sábado, 14 de fevereiro de 2009

O TIRO SALGADO NA CULATRA

O Acordão do Tribunal da Relação do Porto revela que aceitou o recurso do Ministério Público por considerar haver indícios suficientes para pronunciar os arguidos pelos ilícitos criminais de que foram acusados no "caso da fruta", mas depois de melhor análise, manteve na íntegra a decisão do Tribunal de Instrução Criminal que considerou pouco credíveis os depoimentos de Carolina Salgado.

O Acórdão do Tribunal aqui.

1 comentário:

Paulo Sousa disse...

Falei há dias sobre este assunto.

http://vilaforte.blogs.sapo.pt/82121.html