domingo, 22 de março de 2009

O ADEUS DE LUCÍLIO ?

Lucílio Baptista fica ligado, de forma indelével, ao lance que marcou a final 2009 e para a história da Taça da Liga. Por comparação, sou daqueles que pensa que a arbitragem é o elo mais franco e o alvo mais fácil em toda esfera do futebol e por consequência os mais desprotegidos em caso de erro que o próprio futebol não dispensa. No entanto, há erros que merecem o reconhecimento e não justificações.

Com tantos anos de futebol, com uma carreira recheada de bons e maus momentos e tão perto de concluir o seu trajecto, penso ter chegado a hora de Lucílio Baptista dizer que não quer continuar a alimentar suspeições, afrontas e erros e… deixar a arbitragem.

1 comentário:

mário disse...

Uma bela despedida sem dúvida...